cadastramento do pis 226x300 Cadastramento do Pis

Com a finalidade de promover a integração do empregado com o desenvolvimento da empresa, o PIS por meio do cadastramento no Programa, o trabalhador recebe um número de inscrição, que possibilitará consulta e saques dos benefícios sociais administrados pela Caixa.

Quando o trabalhador ainda não está cadastrado no programa, quem deve providenciar o cadastramento no programa é o empregador no ato da admissão.

O documento que comprova o cadastramento é o cartão com o número de inscrição no PIS, emitido pela CAIXA.

Como cadastrar:
1. Confirmar se o trabalhador tem PIS

No primeiro contrato de trabalho com carteira assinada, o trabalhador deve ser inscrito no PIS pelo empregador. A inscrição é feita apenas uma vez e o número será solicitado a cada novo emprego. Para o trabalhador que já foi cadastrado, o número do PIS pode ser encontrado na Carteira de Trabalho, no comprovante de inscrição ou ainda no Cartão do Cidadão. Se o número não constar em nenhum desses documentos, o trabalhador deve procurar uma agência da CAIXA.

2. Solicitar inscrição
Cabe ao empregador solicitar, em qualquer agência da CAIXA, a inscrição do trabalhador no cadastro do PIS.
3. Entregar documentos

O empregador deve entregar, na agência da CAIXA, o Documento de Cadastramento do Trabalhador – DCT devidamente preenchido, o Cartão de Inscrição no CNPJ da empresa ou se for pessoa física, Comprovante de Matrícula no Cadastro Específico de INSS – CEI.
4. Comprovante de cadastramento

O comprovante é encaminhado para agência, onde o cadastramento foi efetuado. O empregador é responsável pela entrega do documento, que contém o número de inscrição no PIS e os dados básicos de identificação do trabalhador. Esse comprovante deve ser guardado, pois o número do PIS será solicitado a cada novo emprego do trabalhador.

Para maiores informações acesse o site www.caixa.gov.br

Confira Outras Postagens: